Métricas financeiras e KPIs: saiba por que, como e quais acompanhar!

métricas financeiras

Por que acompanhar métricas financeiras?

 

Uma gestão financeira moderna não avalia desempenho e toma decisões com base em achismos.

 

Faz parte do papel estratégico do CFO moderno avaliar o desempenho de variáveis financeiras e de sua equipe a fim de otimizá-los.

 

Por isso, é fundamental mensurar variáveis, monitorando e analisando indicadores financeiros.

 

No texto a seguir:

 

  • Entenda por que você deve acompanhar as métricas financeiras e quais são os benefícios disso;
  • Saiba o que são os KPIs e como definir os KPIs para seu negócio;
  • Descubra algumas métricas financeiras que podem ser importantes para o seu negócio;
  • Saiba como acompanhar métricas financeiras de maneira assertiva;

 

Métricas financeiras: por que acompanhar?

 

As métricas financeiras consistem no meio de mensurar o desempenho de variáveis financeiras do negócio.

 

Eleger métricas financeiras importantes para a gestão do negócio e monitorá-las é essencial.

 

Essa prática de acompanhar as métricas financeiras:

 

  • Permite avaliar o desempenho atual de projetos, funcionários e do negócio em si;
  • Permite avaliar o cumprimento de metas e objetivos;
  • Embasa tomada de decisões mais assertivas;
  • Permite comparar o desempenho de variáveis do negócio em relação ao mercado e ao passado da empresa;
  • Fornece dados para sustentar análises aprofundadas como análise preditiva financeira;
  • Auxilia na otimização da gestão financeira;

 

KPIs Financeiros: como escolher

 

Os KPIs (Key Performance Indicator) são definidos como os principais indicadores utilizados para medir/mensurar determinadas variáveis, o desempenho, ou também acompanhar o cumprimento de determinadas metas e objetivos.

 

Os KPIs variam de acordo com os níveis e áreas do negócio. Isto é, a gestão financeira pode ter seus KPIs assim como a gestão de marketing ou então um projeto da empresa.

 

O que eles têm em comum é que qualquer KPI deve ser escolhido de acordo com os objetivos da gestão.

 

Uma empresa que definiu como objetivo principal do ano, a aquisição de novos clientes, deve ficar de olho nos indicadores relacionados a ele.

 

Por exemplo, o departamento de marketing deve ter como um dos KPIs, a taxa de conversão de suas campanhas. O CAC (custo de aquisição por cliente) é uma das métricas financeiras que deve se tornar KPI nesse cenário.

 

Uma empresa que trabalha com assinaturas, por exemplo, pode ter como objetivo para o período a retenção de clientes.

 

Nesse caso, podem eleger KPIs como a churn rate (número de clientes que cancelam um serviço) e métricas financeiras como o custo das atividades para retenção de clientes, ou também até utilizar o LTV (Lifetime Value) para acompanhar o valor que um cliente traz ao longo de seu ciclo como cliente e quanto tempo ele costumar ser cliente da empresa.

Veja também:  Política de reembolso de despesas corporativas em 10 passos

 

Ou seja, mesmo que existam métricas universalmente utilizadas para avaliar o desempenho de determinada área ou atividades, os KPIs dependem também dos objetivos e metas do período.

 

Métricas financeiras relevantes para monitorar

 

A seguir, vamos apresentar métricas financeiras que são importantes para diversos tipos de negócio.

 

Considere acompanhá-las e avalie também quais outras métricas são fundamentais para sua empresa de acordo com os seus objetivos.

 

Custo de serviço prestado

 

O custo do serviço prestado é calculado com base no conjunto de gastos envolvidos na prestação de um serviço.

 

É uma métrica financeira essencial para identificar possibilidades para otimizar a gestão dos recursos empregados na prestação de serviços, bem como evitar prejuízos e aprimorar a rentabilidade da operação.

 

Para calculá-lo, é essencial ter processos estruturados. Confira 5 dicas para calcular o custo do serviço prestado e saiba mais sobre a importância dessa métrica financeira.

 

Custo de aquisição por cliente (CAC)

 

O custo de aquisição por cliente (CAC) refere-se ao conjunto de gastos envolvidos para adquirir um cliente. É calculado dividindo esse conjunto de gastos pelo número total de novos clientes, em determinado período. 

 

O conjunto de gastos pode incluir, por exemplo, desde despesas com viagens para reuniões de negociação – também inclusas no custo do serviço prestado – a investimentos em marketing.

 

Despesas por centro de custo ou projeto

 

Um centro de custo representa cada unidade que tem certa autonomia financeira dentro de uma empresa.

 

Calcular os gastos por centro de custo e os gastos por projeto é interessante para comparar e medir o desempenho e a viabilidade das atividades de cada um deles.

 

Receita por empregado

 

Esta métrica financeira objetiva mensurar o quanto de receita gera um funcionário.

 

É interessante para empresas que trabalham com vendedores e viajantes corporativos, a fim de junto a uma análise qualitativa, avaliar a produtividade e identificar as necessidades e a eficácia de treinamentos.

 

Retorno sobre investimento (ROI)

 

O ROI (Return over Investment) é o retorno que se tem com base em um investimento.

 

É calculado dividindo a diferença entre receita e custo (investimento) pelo custo (investimento). Para obter o ROI em percentual, basta multiplicá-lo por 100.

 

O ROI é uma métrica que pode ser calculada também a nível de uma campanha ou projeto, como a nível geral do negócio. É essencial para comparar os investimentos e otimizar a gestão dos recursos financeiros.

Veja também:  Análise preditiva financeira: o que é, onde vive e o que come! - Parte I

 

Em uma empresa que trabalha com representantes de vendas, o ROI pode, por exemplo, ser determinante para comparar quais regiões geram melhor retorno em relação ao investimento – considerando a receita de cada centro de custo e o custo do serviço prestado.

 

Fluxo de caixa

 

O fluxo de caixa diz respeito às entradas e saídas de recursos financeiros na empresa em determinado período, avaliando o fluxo de dinheiro e o capital de giro disponível.

 

É uma métrica importante para garantir a saúde financeira do negócio de curto a longo prazo e por isso, precisa de acompanhamento constante.

 

Além disso, é interessante para evitar fraudes nas saídas, como fraudes no reembolso de despesas corporativas.  

 

Como podemos te ajudar a acompanhar métricas financeiras

 

Se você definiu quais métricas financeiras são essenciais para o seu negócio, é hora de monitorá-las e analisá-las.

 

É importante que o acompanhamento das métricas financeiras não fique apenas em nível superficial.

 

Lembre-se de que as métricas financeiras devem ser utilizadas para embasar análises mais aprofundadas como as análises preditivas e dar suporte ao processo decisório.

 

Para isso, você irá precisar de dados sobre as variáveis envolvidas e ferramentas que otimizem a coleta e o armazenamento de dados para gerar informações relevantes.

 

O VExpenses é uma ferramenta ideal para empresas que possuem despesas de viagem.

 

Com o aplicativo, além de automatizar processos de prestação de contas e reembolso de despesas, você consegue gerar diversos tipos de relatórios de despesas de viagem em tempo real.

 

Assim, melhora o controle financeiro e aumenta a precisão na análise de gastos e na tomada de decisões com os relatórios, sendo estes pontos fundamentais para otimizar a gestão financeira de seu negócio.

 

O VExpenses oferece uma série de vantagens para monitorar métricas financeiras e melhorar a gestão de despesas de viagem. Entre elas:

 

  • Relatórios de despesa em um clique e sem complicação;
  • Dados para analisar os gastos por tipo, centro de custo e projetos;
  • Previsibilidade do fluxo de caixa;
  • Possibilidade de parametrizar centros de custo, projetos e tipos de despesas;
  • Aumento do controle e redução de fraudes no processo de prestação de contas;

Teste o VExpenses gratuitamente para visualizar na prática as suas vantagens para o acompanhamento das métricas financeiras!

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinby feather

Sobre Marcela Rucireta

Graduada em Administração pela FEA-RP/USP, trabalho com gestão de projetos e performance em marketing digital, e produção de conteúdo sobre gestão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *