dicas de saúde e bem-estar no trabalho

6 minutos de leitura8 dicas de saúde e bem-estar no trabalho para você aplicar na sua empresa

Colaboradores que estão felizes e satisfeitos na empresa trabalham melhor. Este é um lema que não pode de jeito nenhum sair da cabeça de profissionais de Recursos Humanos e gestores. E, por isso, separamos aqui algumas dicas de saúde e bem-estar no trabalho para aplicar na sua empresa e melhorar a produtividade de todos os seus funcionários.

Já se deparou com colaborador com excelente currículo e habilidades incontestáveis, mas que está passando por período de baixa produtividade? Este bloqueio produtivo pode ser consequência de um ambiente de trabalho de pouca inspiração, muito stress, cobrança excessiva, e assim, nada motivador.

Para reverter este quadro, uma das iniciativas mais eficientes é olhar com mais carinho para o seu funcionário e promover mudanças para garantir a sua satisfação e alegria ao exercer as suas atividades.

Para te ajudar nesta estratégia, a Xerpa preparou este conteúdo com as principais dicas de saúde e bem-estar no trabalho. Confira e aplique logo na sua companhia!

Saúde e bem-estar no trabalho

De uma forma geral, qualidade de vida é um conceito que engloba o bem-estar físico, mental, espiritual, psicológico e emocional. Envolve, também, relacionamentos sociais, educação, saúde, trabalho, habitação, saneamento básico, e outros fatores de crescimento humano e que fornecem uma vida digna.

No ambiente de trabalho, existe a mesma lógica. Melhorias e inovações, estruturais e gerenciais, constantes com o objetivo de oferecer condições plenas para que os colaboradores possam realizar seus trabalhos de forma saudável e digna.

E as organizações, ao menos aquelas que querem se destacar no mercado, devem focar neste conceito como estratégia de crescimento.

Surgimento da importância da qualidade de vida nas empresas

Apesar de estar sendo muito comentada ultimamente, esta não é uma estratégia recente. Foi na década de 70 que a importância de promover qualidade de vida no trabalho começou a rondar os planejamentos estratégicos de empresas, até mesmo nas pequenas.

Este despertar de consciência aconteceu após Louis Davis, professor da Universidade da Califórnia, apontar as terríveis consequências de ter colaboradores estressados, desmotivados, acidentados ou constantemente doentes.

Indo mais além, ele relacionou a saúde e bem-estar no trabalho com o aumento do desempenho dos colaboradores em suas atividades.

Mas não foi o suficiente para modificar totalmente o pensamento de gestores e donos de empresas. Somente agora, anos mais tarde, a valorização dos colaboradores está sendo vista como estratégia essencial para o crescimento de qualquer empresa. E há cada vez mais ações sendo propostas com tal finalidade.

Assim, empresas do futuro não devem se assustar com as mudanças do mercado e as novas demandas dos colaboradores. Ao contrário, elas devem investir em soluções, modificando seus processos para se adaptar, agregando mais valor à marca.

Mais adiante, vamos listar algumas dicas de saúde e bem-estar no trabalho.

Veja também:  5 dicas para melhorar a Gestão de Despesas de Viagem na empresa

Trabalhando o bem-estar como estratégia

Antes de prosseguir com o conteúdo, queremos propor uma reflexão bem rápida.

Quantas horas você passa por dia no trabalho? Hoje, as atividades profissionais tomam a maior parte do tempo, chegando a corresponder a mais da metade do período que uma pessoa fica acordada por dia. Às vezes, o trabalho é tanto, que toma quase o dia inteiro.

Se o local de trabalho é onde o indivíduo passa maior parte do seu tempo e onde deposita maior parte de sua energia, nada mais justo que o empregador oferecer condições favoráveis e saudáveis ao trabalho, não é mesmo?

Investir em saúde e bem-estar no ambiente corporativo implica em ter profissionais mais saudáveis, tanto física quanto psicologicamente. E aí, retomando a primeira frase deste texto, pessoas felizes e motivadas tendem a trabalhar melhor, produzir mais e gerar mais lucro para a empresa.

Portanto, promover mais qualidade de vida traz benefícios aos colaboradores e também para a empresa, que passa a contar com aumento de engajamento, produtividade, retenção de talentos e, consequentemente, retornos financeiros melhores.

Dicas de saúde e bem-estar no trabalho

Entre as diversas estratégias para promover a qualidade vida no trabalho, separamos algumas que consideramos as mais simples e de fácil aplicação. Ideal para dar o primeiro passo! Vamos conhecê-las?

1. Ofereça um ambiente adequado

Antes de pensar em qualquer outro benefício é fundamental checar se a empresa oferece condições plenas de trabalho e isso inclui alguns fatores.

Como a segurança e ergonomia, com aspectos básicos como iluminação adequada, boa ventilação, cadeira e computador regulados em relação à altura e equipamentos de proteção, quando necessário. 

Assim como itens e recursos necessários que o colaborador possa exercer sua função adequadamente. De nada adianta o colaborador ter a capacidade técnica de executar bem o seu trabalho, se ele não tiver condições adequadas para isso.

2. Estimule a prática de exercícios físicos

O sedentarismo é uma das principais causas de problemas de saúde atualmente.

Mais do que oferecer o benefício do convênio médico, a empresa pode incentivar os exercícios físicos em suas dependências. Vale sessões de alongamento, caminhada pelos corredores ou aulas de ginástica, entre outras opções. O importante é fazer com que seu colaborador se mexa e saia do escritório.

Também é possível promover este incentivo através de atividades fora da empresa, patrocinando corridas, passeio de bicicleta ou mesmo oferecendo convênio com academia.

Esta é uma das principais dicas de saúde e bem-estar no trabalho.

3. Incentive refeições mais saudáveis

Se a empresa oferece refeições internas, considere fazer adaptações no cardápio para incluir opções mais saudáveis. A alimentação é um combustível importante para a promoção da saúde, mas quando mal equilibrada pode provocar doenças, fadiga, stress e até mesmo obesidade.

Não precisa cortar os chips e as barrinhas de chocolate, mas oferecer mais opções com pouco ou nenhum açúcar ou gordura, por exemplo.

Se tiver espaço suficiente, uma boa dica é investir em uma horta comunitária. Além de consumir produtos mais frescos e saudáveis, o cultivo compartilhado pode ajudar a diminuir o estresse, melhorando o humor e a produtividade, além de promover o trabalho em equipe.

4. Ofereça flexibilidade no horário de trabalho

Alguns profissionais se sentem desconfortáveis e pressionados a passar oito horas por dia preso em um escritório de trabalho. Por mais capacitados e habilidosos que sejam, este modelo pode atrapalhar a produtividade de algumas pessoas.

Veja também:  Infográfico: reembolso de despesas na administração pública x administração privada

Por isso, pense na possibilidade de oferecer mais flexibilidade de horário aos seus colaboradores e, até mesmo, um dia de home office, eventualmente.

5. Cuide do clima organizacional

Outro ponto que está entre as principais dicas de saúde e bem-estar no trabalho.

A cultura organizacional, o relacionamento entre as equipes e as questões comportamentais também devem ser levados em consideração. Todos são fatores que influenciam o bem-estar e a motivação do colaborar em determinado ambiente.

Por isso, gestores e profissionais de RH devem estar sempre atentos aos sinais que seus colaboradores dão. Quando necessário, converse com a equipe para saber como cada um se sente, quais são seus desafios, expectativas e se algo está incomodando.

Muitas vezes, o baixo rendimento de um ou mais colaborador pode ser sanado com a solução de problemas pontuais e um bom diálogo.

6. Opte por benefícios corporativos personalizados

Benefícios são sempre bem vindos, não é mesmo. Mas quanto mais adequado aos desejos da sua equipe, mais satisfeita e motivada ela ficará. Então, a dica é fazer uma breve pesquisa com seus funcionários para entender os anseios e necessidades do grupo. E, a partir daí definir o pacote de benefícios da empresa.

7. Garanta o bem-estar financeiro

Dar mais flexibilidade e autonomia financeira aos colaboradores também é uma forma de garantir o bem-estar deles.

Contas atrasadas, cheque especial, juros e multas são fatores que podem aumentar a pressão e o estresse financeiro. Agravando a queda na motivação, baixa produtividade, falta de engajamento e aumento do turnover

Com mais liberdade para planejar o seu mês, o colaborador evita o acúmulo de contas a pagar ou juros por ter a conta vencida e ainda não ter recebido salário.

O Xerpay é um benefício que acabou de surgir no mercado. Com ele os funcionários podem sacar o saldo disponível do salário quando quiser – desde que tenham dias trabalhados a serem descontados, é claro.

Essa funcionalidade segue o conceito de pagamento sob demanda, uma forma de fazer a remuneração de acordo com os dias já trabalhados, mas ainda não quitados.

8. Dê bons exemplos

Finalizando as dicas de saúde e bem-estar no trabalho, nada melhor do que o bom e velho exemplo. Se você deseja que sua equipe esteja mais motivada e engajada nos projetos, seja o primeiro a fazer parte dele!

Implementar essas e outras ações tende a proporcionar um impacto positivo na forma como o colaborador enxerga a empresa. Aumentando seu sentimento de pertencimento, sua motivação e sua produtividade.

A constante modificação do mercado de trabalho e da forma que os colaboradores lidam com ele, exige atenção redobrada das empresas. Desta forma, o RH deve buscar sempre inovação em seus processos, se preparando para dar respostas imediatas e eficientes às variações do mercado de trabalho.

A Xerpa é uma plataforma que preza pela modernização dos processos, atuando pelo fim da burocracia na relação entre funcionário e empregador. Oferecemos a oportunidade de empresas investirem em soluções eficientes e automatização de processos, se diferenciando da concorrência e assumindo papel de empresa do futuro!

Quer mais dicas de saúde e bem-estar no trabalho? Acesse nosso blog e acompanhe nossos conteúdos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *