Viagem a trabalho

4 minutos de leituraMulheres em viagem a trabalho: melhorando sua segurança

Ser escalado para uma viagem a trabalho é, com toda certeza, uma ótima oportunidade de desenvolvimento profissional e um eficiente instrumento de crescimento na carreira.

A quantidade de mulheres designadas a essas funções vem crescendo dentro do mundo corporativo, no entanto, ainda representam minoria frente a seus colegas do sexo masculino.

Esse cenário é um dos reflexos de uma sociedade que ainda carrega muitas características patriarcais.

Devido a essas condições, existem alguns cuidados a mais que devem ser observados às viajantes mulheres.

A Global Travel Business Association (GBTA) apontou que, em 2017, menos de 20% das políticas de viagens de empresas nos Estados Unidos abordavam, especificamente, a segurança de suas empregadas mulheres em viagem a trabalho, ainda que 61% dos gestores concordem com a importância deste tópico.

Mesmo em empresas que dão destaque para essa questão em suas políticas, é improvável que elas consigam eliminar completamente os riscos que podem assolar as viajantes. Por esse motivo, é imprescindível que, além de contar com programas de gestão de riscos de viagens oferecidos pela sua empresa, você saiba cuidar sozinha da sua segurança.

No final, o que mais conta é sua capacidade de lidar com uma situação de incidente ou ameaça que coloque sua segurança em risco.

Planejar anteriormente e saber como reagir a esses riscos faz toda a diferença em sua viagem a trabalho. Sentir-se insegura ou ameaçada pode refletir na sua performance profissional, já que você não estará confortável para focar 100% no seu objetivo de negócios.

Por isso, neste post daremos dicas para que você consiga realizar uma viagem mais segura.

Se conheça!

Praticar o autoconhecimento é imprescindível para que você conheça seu próprio perfil de viajante e reconheça seus pontos fortes e fracos.

Esse reconhecimento é quem irá te guiar em sua preparação sobre como agir diante de situações inesperadas durante sua viagem a trabalho.

É possível praticar o autoconhecimento fazendo algumas perguntas básicas de autorreflexão como “já vivi alguma situação anterior que possa me auxiliar a evitar cenários similares?”.

Aliás, sua intuição é insubstituível, não a ignore! Se você sentir que tem algo errado, procure ajuda o mais rápido possível.

Conheça a política de viagem da sua empresa

É preciso estar ciente do que é previsto pela empresa em relação à sua segurança durante a sua viagem a trabalho.

Veja também:  Perdi meu voo, o que devo fazer?

Além de conhecer toda a política de viagem da empresa, confira também o seguro viagem contratado para a sua viagem.

Observe quais situações são cobertas pelo seguro, e, principalmente, se o seguro também cobre momentos de lazer que podem ocorrer durante a viagem.

Caso sinta que é necessário, peça alguns esclarecimentos aos gestores para que fique tudo claro antes de você embarcar.

Se julgar que o seguro contratado pela sua empresa não é o suficiente para a sua segurança, vale a pena investir em um seguro particular extra.

Afinal, é sempre melhor prevenir do que remediar.

Pesquise sobre seu destino

Conhecer o local para onde você está sendo mandado pode evitar muitas situações desagradáveis.

Pesquisar sobre a cultura, costumes e, principalmente, linguagem do seu local de destino te deixa mais integrada sobre o que pode encontrar por lá, além de melhorar sua confiança para lidar com as situações adversas que podem ocorrer.

Mesmo que vá contra suas convicções, é altamente recomendável que você siga os códigos de vestimenta e comportamento locais para evitar maiores problemas, como prisões, por exemplo.

Menos é mais

Considere levar pouca bagagem, e que seja fácil de carregar.

Ter muita bagagem pode dificultar sua mobilidade, além de chamar a atenção de possíveis criminosos.

Leve sempre pouca bagagem e que contenha apenas o essencial.

Assim, você não parecerá um alvo fácil para criminosos e conseguirá se deslocar rapidamente e sem problemas caso seja necessário.

Seu celular pode ser seu maior aliado

Viagem a trabalho
Não esqueça o celular, ele pode ser seu maior aliado.

Quase todos os aparelhos celulares, hoje em dia, possuem a funcionalidade de iniciar uma chamada de emergência em segundos, em qualquer lugar do mundo que você esteja.

Para os usuários de IOS, por exemplo, apertar o botão de liga/desliga cinco vezes seguidas inicia automaticamente uma mensagem de alerta, te conectando com o serviço de emergência local.

Aplicativos de tradução também podem te ajudar a pedir ajudar, quando você não consegue se comunicar na linguagem local.

Para tornar seu celular um aliado melhor ainda à sua segurança, configure algumas funções como:

  • ativar alertas de emergências e, no caso de viagens internacionais, conecte-se com a embaixada mais próxima;
  • instalar aplicativos de tradução para te auxiliar na barreira da língua;
  • caso seu celular não ofereça funcionalidades de emergência de fábrica, procure aplicativos que te possibilitem entrar em contato com autoridades locais de maneira rápida e fácil.
Veja também:  Como desenvolver gestão de tempo e produtividade em viagens a trabalho

Porém, não se esqueça de proteger seus dados cibernéticos.

Evite conectar-se a redes wifi abertas e gratuitas, tenha pouca ou nenhuma informação bancária armazenada em seu celular, redobre o cuidado com fotos pessoais e informações que possam ser comprometedoras, além de evitar compartilhar sua localização de forma pública a todo tempo.

Faça um plano de ação da sua viagem a trabalho

Como já dissemos anteriormente, planejar é uma das melhores armas contra situações que possam pôr sua segurança em risco.

Por isso, planejar a rotina da sua viagem a trabalho não apenas te poupará tempo e dinheiro, mas também aumentará sua segurança.

Considere incluir em seu planejamento endereços, telefones, nomes das pessoas que te acompanharão ao longo da viagem e, claro, as rotas que você pretende realizar.

Além de planejar, é importante compartilhar seu planejamento com um contato de confiança.

É de suma importância, também, que você mantenha às mãos seus contatos de emergência. Cogite tê-los registrados não apenas no celular, mas também em uma lista física, para o caso de que você perca ou tenha seu celular roubado.

Evite improvisar decisões

Procure ao máximo não sair do planejamento de viagem a trabalho que você fez anteriormente.

Alguns improvisos podem te colocar em situações complicadas, além de não contarem com a cobertura do seguro viagem.

Por isso, evite utilizar transportes que não sejam oficiais do local, por exemplo, pois dificulta a exigência de providências legais no caso de ocorrer algum incidente.

Prefira sempre serviços de transporte que gerem registros, como é o caso do Uber, que além de registrar toda a rota da viagem, oferece uma funcionalidade de segurança ao passageiro.

Além disso, ao escolher sua hospedagem, opte sempre por hotéis conhecidos, e que tenham boa reputação.

Caso sinta necessidade, você pode pedir por um andar que seja destinado exclusivamente a mulheres. Alguns hotéis possuem esse diferencial.

Outra dica é optar por quartos que sejam próximos às escadas ou elevador, assim você não precisará andar uma grande distância destes locais até a porta do seu quarto.

Tomando todos esses cuidados nos mínimos detalhes, a única barreira para o seu sucesso vai ser arrumar as malas para viajar! Afivele o cinto e vamos conquistar o mundo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *